Klasse!

(41) 2141-0565

Facebook Twitter Linkedin RSS

BLOG

04/02/2015 17h28 - por Administradores.com.br

O que vale mais? Formação ou experiência?

O que vale mais? Formação ou experiência?

Com o início do ano letivo, muitos colaboradores se indagam sobre a questão de ter ou não uma formação acadêmica. Muitos deles sêniores, com larga experiência. Outros juniores, com pouco tempo na área.

 

Para essa pergunta não há uma resposta padrão. Tudo depende do momento de cada profissional, do momento tecnológico que o mercado vive, bem como do seu planejamento de carreira. Mas uma coisa é fato: formação não substituiu experiência. Porém, só a experiência em certo momento profissional, não será suficiente.

 

Nos dias de hoje o mercado é exigente nos dois aspectos. As vagas disponíveis provam isso, sempre exigindo conhecimentos e formações específicas para cada vaga. Então, como acompanhar um mercado tão volátil e versátil como esse?

 

Em primeiro lugar, experiência e formação devem caminhar juntas para um profissional ser considerado completo.

 

Por mais que a formação superior não seja um diferencial para os profissionais da atualidade, independente de seu tempo de experiência, a falta dela pode provocar a estagnação em determinado momento da carreira, afinal, a base teórica e os trabalhos acadêmicos podem e devem ser aplicados à vida corporativa, ao passo que as dúvidas da vida corporativa podem e devem ser trazidas para a vida acadêmica, para que uma complete a outra. Ou seja, muitas vezes o ambiente corporativo supre algumas deficiências acadêmicas, reforçando conceitos distintos e aprendendo com outros profissionais de maior gabarito. E vice-versa.

 

Se com experiência e formação acadêmica o mercado não está fácil, imagine sem elas? Por isso, para se destacar em um mercado tão competitivo, além de formação acadêmica e experiência de mercado, dois quesitos são essenciais:

 

1- Fale outro idioma, de preferência o inglês ou o espanhol! Vejo tantas pessoas experientes e com excelente formação acadêmica que perdem grandes oportunidades pela falta de um segundo idioma. Mas quando digo falar outro idioma é dominá-lo mesmo, ler, escrever e se comunicar. O tal do “intermediário” ou “técnico” não fazem diferença nesse mercado tão globalizado. Com experiência, formação acadêmica e domínio de outro idioma, sua carreira tem um futuro longo e promissor.

 

2- Busque especializações, certificações e uma pós-graduação. Assim, poderá direcionar sua vida corporativa nesse leque de opções que há.

 

Se você busca uma área de gestão, saiba que após a sua pós-graduação o MBA é essencial, pois te dará uma visão gerencial e estratégica, sem contar o networking que você consegue fazer nesse tipo de curso. No caso da escolha pela área de gestão, entra mais uma vez a importância do segundo idioma. Muitas multinacionais de abrangência na América Latina contratam gestores. Sendo assim, ter um idioma espanhol fluente pode ser a diferença em uma possível promoção. Já chegamos, então, no profissional da área de gestão com experiência, formação acadêmica, com pós-graduação e MBA, tendo além do inglês o domínio do espanhol. Suficiente para se destacar no mercado? Talvez.

 

Ainda falando sobre gestão, é necessário que esses profissionais tenham noção de outras áreas para dar o suporte necessário a elas quando necessário. Por isso, um gestor que possui conhecimentos da área financeira, por exemplo, e conhece as métricas do SOX ou tem conhecimento nos modelos ISO e auditorias, tem um passo à frente se trabalhar em uma Instituição Financeira.

 

E existe ainda o profissional que é especialista ou consultor em determinada ferramenta ou metodologia. Aqui, além de imprescindível possuir o inglês, é necessário uma certificação desta ferramenta ou metodologia para assegurar o seu conhecimento perante a empresa. Obviamente que a diversidade de projetos executados nessa ferramenta – ou seja, sua experiência – mostra um diferencial que reafirma a sua certificação, mas muitas empresas exigem ver o diploma para comprovar a veracidade das informações.

 

Deu para notar que o mercado é mutante e cada caso é um caso, certo? Portanto, esteja sempre atento às tendências para estar up to date a tudo que ocorre de novo ao seu redor e se atualizar rapidamente, seja em uma nova versão da mesma ferramenta que já é certificado ou um curso da área de gestão fora de sua área principal.

 

Quantos cursos ou certificações você fez no ano que passou? Organize-se, crie suas metas desse ano. Quantos cursos você precisa ou quer fazer? Quantas certificações vai tirar? Qual idioma vai aprender ou aperfeiçoar? Fazer uma faculdade, uma pós-graduação, um MBA, falar inglês, espanhol, tirar certificações... aliás, já pensou em uma especialização nos Estados Unidos ou na Europa?

 

Acha exagero? Bem-vindo ao mercado! O que é novo e destaque hoje, pode não ser amanhã. Por isso inove, reinvente, busque o depois de amanhã no hoje! Afinal, formação e experiência são importantes, mas mais importante do que isso é o que você faz com elas!

 

 

 

Fonte: Administradores

0 Comentários

Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!